BRCarbon cuida da gestão de projeto de carbono no Reflorestamento Pratigi

Facebook
WhatsApp
LinkedIn

A BRCarbon (BRC) e a Organização de Conservação da Terra do Baixo Sul da Bahia (OCT) firmaram uma parceria no âmbito do Projeto Agrupado de Reflorestamento Pratigi. A BRCarbon fica responsável pela gestão do projeto de carbono, validado nos padrões voluntários VCS (Verified Carbon Standard) e CCB (Clima, Comunidade e Biodiversidade).

De acordo com o Diretor Técnico da BRCarbon, Bruno Matta, o projeto Pratigi é pioneiro no Bioma Mata Atlântica. É o único existente que apresenta esse nível de maturidade – iniciado e validado em 2011, e com uma verificação já realizada em 2016. Além desse pioneirismo, o local do projeto está no Corredor Central da Mata Atlântica. Uma região de raro endemismo e de alta biodiversidade, considerada um hotspot para conservação.

Além dos benefícios adicionais à biodiversidade, o projeto tem um forte componente social. Segundo Matta, atua diretamente com pequenos proprietários e agricultores familiares. Também possui um viés de transferência de tecnologia, assistência técnica e extensão rural às comunidades da Área de Proteção Ambiental (APA) do Pratigi.

Para o Diretor Executivo da OCT, Joaquim Cardoso, a expertise da BRCarbon é um importante passo para a consolidação do projeto de carbono. “Temos observado, valorizado e reconhecido a soma de conhecimentos, experiências e ações institucionais que tenham como premissa a otimização de resultados impactantes. Possíveis somente através de parcerias qualificadas e idealistas”.

Climate Tech 100% brasileira, a BRCarbon pretende alavancar a iniciativa da OCT por meio de fluxos financeiros do mercado de carbono para promover soluções climáticas naturais. A gestão do projeto envolve a adoção de estratégias inovadoras e tecnologias de ponta para acelerar, multiplicar e consolidar o Projeto Agrupado de Reflorestamento Pratigi.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima